Avatar

Para receber a sua benção apostólica com a seguinte mensagem de Sua Santidade, o Pápa:

“Sua Santidade Francisco transmite com o coração a bênção apostólica a Loraine e Tales por ocasião do casamento e invoca na família incipiente um contínuo derramamento de graças celestiais e a protecção materna da Santíssima Virgem Maria para que ela possa crescer constantemente em fé e amar e testemunhar autêntica vida cristã “.

Todos os pedidos de Bênção Apostólica em Pergaminho podem ser dirigidos à Esmolaria Apostólica no Vaticano pessoalmente ou através de uma solicitação via correio ou fax.

Deve ser preenchido o seguinte formulário , diretamente no computador, salvar e imprimir.

Envio da solicitação

A solicitação pode ser enviada via correio ou fax:

Correio: ELEMOSINERIA APOSTOLICA
Ufficio pergamene
00120 CITTÀ DEL VATICANO

Fax: (+39) 06 698 83132

Forma de pagamento

O pergaminho só é pago depois de feito. Assim que receber o mesmo deve efectuar o pagamento da seguinte forma:

  • Através de uma ordem de pagamento bancário com as coordenadas bancárias inseridas na expedição;
  • Por meio de pagamento online com cartão de crédito no site

Segundo o site há valores diferenciados do pergaminho:

  • “Ao pergaminho (preço que varia de 13 a 25 Euros dependendo do modelo escolhido pelo Departamento segundo a ocasião indicada);
  • Às despesas para a expedição (fora da Itália dependendo da destinação) pelo correio expresso DHL (18-30 Euros).”

Após enviar o pedido o pergaminho chega a Portugal normalmente num prazo que não ultrapassa um mês.

Crédito da foto: André Vanzin

 

Carla Luis

Foi no dia 2 de Fevereiro que tivemos o privilégio de fazer parte da organização do lançamento do novo Jaguar E-pace, na Mcoutinho de Coimbra.

Um evento cheio de glamour como a ocasião e o cliente pedia.

Desde cedo, quando se começou a criar o evento, se decidiu com a produtora de moda, Mónica Silva da B.nice Models, que se iria fazer um desfile. Imagine-se, na oficina. Mas como é que se pode criar glamour numa oficina? Bem, sendo da Jaguar torna a questão um pouco mais facilitada pois os carros falam por si. Queríamos manter aquele ar de oficina, e não o estragar com muita decoração. 200 convidados sentados em cadeiras transparentes, uma passerelle cinzenta como a cor do chão, pequenos apontamentos e luz. Não muita, mas luz!

Com a colecção do conhecido estilista Aveirense, Joel Reigota, e as melhores modelos a iniciarem o desfile dentro dos carros subidos nos elevadores a oficina e o glamour aconteceu! O último modelo a desfilar foi, claro, o rei da festa: o Jaguar E-Pace!

A receção aos convidados e pós desfile aconteceu já no espaço de exposição da Mcoutinho.

Fiquem com o video de um evento com o cunho da FirstPage – Designed Events!

Avatar

Inicia-se a época em que acompanho as minhas noivas na escolha do vestido perfeito! Nem sempre é uma tarefa fácil, e encontram-se indecisões onde à partida não julgávamos existir. Assim, deixo ficar alguns motes para que a escolha do vestido de noiva perfeito não seja um quebra-cabeças:

O dia é seu, o vestido é seu!

Por mais que haja pessoas com quem queira partilhar o momento, deve ter em conta que os gostos, são na maior parte dos casos, diferentes.
A mãe quer o vestido tipo princesa, a sogra prefere que leve uma burca, a madrinha é mais ousada e fá-la experimentar vestidos com decotes até ao umbigo, e por aí em diante! Se ouvir todas as pessoas, e não se ouvir a si mesma, não vai estar feliz com a sua decisão no dia do casamento. Por isso, não arraste consigo meio mundo para esta escolha. Ela é sua! Ouça, pondere, mas a escolha é sua!

Respeite-se!

Você, noiva, tem um estilo clássico no seu dia-a-dia. Experimentar vestidos ousados ou sexys não adianta! Não dá, não combina, não é você que está dentro daquele vestido. Os seus convidados vão achar que foi possuída por um qualquer demónio com um terrível sentido de humor.
Quer algo diferente, ok! Mas não vamos entrar em euforias e achar que qualquer vestido cheio de brilhantes ou rendas se encaixam no seu estilo monocromático clássico. Tem que se rever no seu vestido e o seu vestido em si.
Esta é uma decisão que a vai perseguir para sempre. Ou porque vai mostrar o vídeo do seu casamento ou olhar para aquela fotografia fabulosa que está pendurada na parede lá de casa, mas na qual você não encaixa. Não seja radical, seja você!

Lembre-se do tipo de casamento que pretende!

Hoje em dia, todas nós, mulheres, sabemos o casamento que pretendemos. Se é na praia, no campo, numa quinta ou num hotel. Sabemos também qual a data do casamento.
Não podemos pensar em casar a 25 de Dezembro na praia e com um vestido cai-cai. No way!! No dia, ou dias da escolha do vestido também não se pode esquecer disso. Se casa no Verão não adianta comprar um vestido com bolero e casaco de penas, se casa no Inverno não vamos com um tule cai-cai à volta do corpinho!
O conforto é palavra de ordem no dia do seu casamento, e você não vai querer casar com uma figura totalmente fora de época!

Comprar demasiado cedo ou demasiado tarde

Qualquer noiva quer ver, experimentar todas as colecções de vestidos que lhe aparecem pela frente. Se o casamento é marcado com dois anos de antecedência, piorou! Vai tudo começar a experimentar vestidos e, a certa altura, já não sabem o que querem e o que não querem, o que gostam e o que não gostam, se foi na loja A ou se foi na B.
A ansiedade começa a tomar conta dos coraçoezinhos das noivas e começa o pânico. A racionalidade nestas alturas é a melhor aliada das noivas. Procurar, encontrar e não ter dúvidas de que era aquele até ao dia do casamento. Até lá são feitas provas e os olhos das noivas têm que brilhar da mesma forma, sempre que o vestem.
Tudo o que seja procura com mais de um ano de antecedência do casamento é exagero.  Controle a ansiedade e os impulsos de ver a brilhar.
Esperar até ao mês do casamento também não é aconselhável. Pode não encontrar o tal, não ter tempo para provas. Seja ponderada!

O orçamento

Uma das primeiras coisas que deve informar quando entra numa loja é qual o orçamento que tem disponível para a compra do seu vestido. Assim, a lojista vai de imediato ao encontro de todos aqueles que podem caber no seu bolso, sem lhe criar falsas expectativas. Ora imagine que tem 1500,00€ para o vestido, e decide experimentar aquele que estava na montra. Amou o vestido, mas quando se lembra que ele tem um valor, fica a saber que é três vezes superior ao que tinha previsto. Nãooooooooooo! Desilusão nesta altura, não por favor! Deixe bem claro.
Casos há em que, a noiva não se identificando com nenhum, pode tomar a decisão de aumentar o plafond disponível, mas ninguém pode dizer que não o tentou cumprir. 🙂

Tenha em conta a sua silhueta

Lá porque a Naomi Campbel ainda hoje, com o passar dos anos, fica deslumbrante num vestido sereia, não quer dizer que você vá ficar. Tenha em conta o seu próprio corpo, e lembre-se que nem todas nascemos com 1,80m e com um metabolismo tão acelerado como as corridas do Usain Bolt. Verifique os cortes que a favorecem e os que não. Simples, assim!

Escolha um vestido confortável

Imagine-se com um vestido tipo princesa em que o saiote não a deixa sentar, ou um corpete com tanta vareta que em vez ter um dia de coração cheio, tem um dia de coração espetado.
Você quer aproveitar ao máximo o seu dia, dançar, beijar uma criança, fazer poses artísticas para aquela fotografia que vai eternizar o seu dia na parede lá de casa.
Um vestido que não lhe permita a liberdade total de movimentos vai stressá-la, vai estar a ansiar pelo momento em que o pode tirar. Certifique-se que isto não acontece. Escolha algo confortável e experimente todos os movimentos no momento da escolha.

Pense em todas estas dicas, e vamos lá, procurar o vestido perfeito para o seu dia perfeito!

 

 

 

 

Show More Posts